França e São Luís em exposição

Primeiro Mapa de São Luís

Por Carla Melo

Os registros de franceses em terras maranhenses e o sonho de fundar a França Equinocial são os elementos motivadores do projeto França Equinocial Para Sempre. Composto por uma exposição, um livro e um álbum, o projeto tem a coordenação do turismólogo e historiador Antonio Noberto e será aberto hoje, às 19h, no Palácio Cristo Rei (Centro), em evento para convidados. A exposição fica aberta ao público até 14 de setembro e pode ser visitada, gratuitamente, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 17h30.

Com o título França Equinocial, uma história de 400 anos em textos, imagens, transcrições e comentários, o livro traz textos dos pesquisadores Ana Luiza Almeida Ferro, José Claudio Santana, Wilson Pires Ferro, Vasco Mariz e do francês Lucien Provençal, além de Antonio Norberto.

Os trabalhos em cartaz são quadros, imagens de personalidades, mapas, réplicas de documentos, textos, objetos e outras informações sobre o empreendimento francês que deu início ao Brasil setentrional, ao Maranhão e a sua capital, São Luís. O acervo é resultado de 15 anos de pesquisas sobre a França Equinocial e destaca alguns documentos, raros, expostos.

Leis Fundamentais decretadas na Ilha do Maranhão, que, segundo o pesquisador, trata-se do primeiro conjunto de leis das Américas; Carta da regente Maria de Médicis a La Ravardière, documento no qual a rainha ordenava ao desbravador que no Maranhão se pregasse apenas a religião católica; Interrogatório dos prisioneiros franceses da Batalha de Guaxenduba; e Cartas trocadas entre La Ravadière, Jerônimo de Albuquerque e Alexandre de Moura, entre outras transcrições estarão em exposição.

Mapas – Entre os mapas, destaque para o desenho do primeiro registro do Maranhão, que foi feito pelos portugueses, a partir de desenhos elaborados pelos franceses. “Ao perder a Batalha de Guaxenduba, La Ravardière passou os desenhos e os portugueses preservaram os aspectos topônimos dos franceses”, diz Norberto. Além deste, estão expostos o mapa Saint-Louis capitale de La France Equinoxiale – 1615, reconstituição da capital da França Equinocial, todo em francês; mapa do Poitou; de Saint-Malo; mapa mundi da época; mapa das descobertas; de Paris em 1575.

Publicado originalmente em O Estado do Maranhão – 15/08/2012.

Anúncios

Um comentário sobre “França e São Luís em exposição

  1. AS informações são de extrema importância. Acredito que se completam com as incursões ao norte do Brasil, presença francesa no Pará e a confirmação de suas bases na região nesse período. Alguma referência sobre Bragança-Pará?
    Onde posso comprar a obra?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s