Praça e Memorial Maria Aragão

Memorial da Praça Maria Aragão / Foto: Albani Ramos

Memorial da Praça Maria Aragão / Foto: Albani Ramos

Palco de grandes eventos culturais, a Praça Maria Aragão, onde está localizado o Memorial projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, homenageia uma importante ativista política maranhense. Do local, se tem uma bela vista para a baía de São Marcos, e compõem junto com a Igreja dos Remédios e a Praça Gonçalves Dias uma dos mais belos cartões-postais de São Luís.

Conheça também a Praça Gonçalves Dias, o Largo dos Amores.

A Praça Maria Aragão foi inaugurada em 1991, depois de intervenções no espaço que anteriormente servia apenas como pátio de manobras da antiga Estrada de Ferro São Luís Teresina. Depois da desativação da estação, o terreno ficou sem muita serventia, utilizada esporadicamente para instalação de circos e parques.

Primeiro desenho de Niemeyer para a praça

Primeiro desenho de Niemeyer para a praça

Em 2001, é lançado o projeto de reforma da Praça com inauguração do Memorial Maria Aragão de autoria do Niemeyer. O aceite para realizar o projeto foi possível graças a afinidade ideológica partidária da homenageada e do arquiteto que participavam do mesmo Partido Comunista Brasileiro. Devido às proporções do projeto inicial, o Iphan embargou a obra, cuja concha acústica de 15,5 m de altura prevista para o local taparia a visibilidade dos outros dois logradouros no nível superior da praça, a igreja e Largo dos Amores, tombadas pelo Patrimônio histórico e Artístico.

Assim, segundo o Iphan, teve-se de reduzir a altura da concha para 9 m e alterar o seu posicionamento, não ficando mais de frente para a RFFSA, mas sim de frente para o Rio Anil. Sob a concha estão os camarins. Niemeyer criou também um novo módulo oposto à concha, uma área se 5,35 m por 12,85 m, em que se encontram um bar, uma cozinha, banheiro e um estar público. O espaço tem 7,5 m de altura.

Projeto final do Memorial

Projeto final do Memorial

Ainda, o Memorial é composto por um prédio em forma de pomba, cuja forma só pode ser vista do alto. O local abriga auditório com 54 lugares, três lojas, sanitários, escritório administrativo e arquivo, um anfiteatro de 1.600 m² com palco de 900 m² e salas de área de apoio, totalizando um espaço de 2.000 m². Também fazem parte do logradouro um monumento com busto de Maria Aragão, próximo a escadaria lateral de acesso à Praça Gonçalves Dias e o talude (terreno inclinado) abaixo da praça que recebeu gramas e onde as pessoas gostam de assistir os espetáculos que ali são apresentados.

Anúncios

3 comentários sobre “Praça e Memorial Maria Aragão

  1. que riqueza de informação. Pena que vc nao colocou a fonte delas, nem a origem das imagens. Mas parabens pela bela pesquisa.

    1. Jorge, obrigado por visitar o PasseioUrbano. Mas há credito na foto. Talvez o navegador que esteja usando ou o equipamento onde esteja lendo não sejam compatíveis com a interface do site. Os desenhos, como se percebe, são do arquiteto Niemayer. E o texto é de autoria do blog com base em entrevista com representantes do Iphan e dados divulgados por ele, como mencionado no texto.
      Prezamos sempre em divulgar a autoria das fotos e das fontes quando copiadas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s