Casa de Nhozinho, museu de cultura popular

A cultura popular maranhense é tema das exposições da Casa de Nhozinho, um museu instalado em um casarão imponente construído no século XIX situado à Rua Portugal, um dos mais belos logradouros da cidade. O nome do museu é uma homenagem ao grande artesão maranhense Antônio Bruno Nogueira, conhecido por Nhozinho, que se destacou pela confecção de rodas de boi feitas de madeira. A casa oferece aos visitantes uma mostra das técnicas de produção cultural da região, além de guardar peças que revelam os costumes e a forma de viver do povo maranhense, desde os primórdios. Há uma lojinha no local para comercialização de produtos regionais.

Saiba mais: Conheça também a Casa do Maranhão.

A exposição da Casa de Nhozinho foi fundamentada nos quatro elementos da natureza. No andar térreo, no Salão Água, encontra-se o acervo diretamente relacionado a rios e mar como canoas e redes de pesca; enquanto o Salão Terra retrata a relação do homem com a terra, configurada na agricultura e na construção de sua moradia. Nesse espaço foi montado, ainda, o Pátio Verde, que evidencia a relação homem/natureza.

No primeiro andar, o visitante tem acesso ao Pavilhão Fogo, onde está exposto todo o acervo de artesanato como brinquedos populares, miniaturas, reciclados, tecidos e as coleções adjuntas de Nhozinho, Domingos Vieira Filho, José Cupertino, Vítor Gonçalves, João do Farol e Beto Bittencourt, além da cultura material indígena e objetos feitos em metais. O segundo pavimento, que dá uma segunda opção de entrada pela rua de Nazaré, foi denominado Pavilhão Ar. Nele o visitante tem aceso à Galeria do Cofo, destinada a exposições temporárias.

No acervo da Casa de Nhozinho encontra-se brinquedos feitos de madeira, bonecas de canarana, bucha e pano, redes feitas de teares manuais muito comum no cotidiano dos maranhenses, rendas de bilro, bordados, produtos produzidos com fibras naturais de buriti, tucum, guarimã, carnaúba e babaçu, cofos (artefato muito presente na cultura do estado, que tem muitas utilidades, como transporte de alimentos), cerâmicas e matérias da cultura indígena.

Saiba mais: Conheça a história do bumba meu boi maranhense

Sobre Nhozinho

Antônio Bruno Pinto Nogueira, conhecido como Nhozinho, era filho de Sebastião José Nogueira e Marcolina Pinto Nogueira. Nascido em 17 de maio de 1904, em Bacuripanã, no município de Cururupu (MA), era um artista excepcional. Ainda criança, iniciou-se na arte popular fazendo papagaios de papel (pipas), animais, árvores etc. Aos 12 anos, começou a manifestar-se a doença que lhe deformaria as pernas, braços e mãos, sacrificando-lhe as pernas e, parcialmente, a visão. Assim, utilizou sua arte para fabricar um carrinho de madeira, no qual passou a locomover-se.

nhozinho 2Em São Luís, morou na rua Jacinto Maia, onde confeccionou 50 costureiros (caixas de guardar material de costura) – encomenda de uma loja de uma fábrica de máquinas de costura. Inicialmente trabalhava a madeira, mas posteriormente passou a trabalhar com o buriti, mais maleável, com o qual construiu verdadeiramente sua obra maior – as célebres rodas de bumba-meu-boi, constantes de acervos de colecionadores nacionais e estrangeiros, tendo figurado em exposição de arte popular realizada no Centro Domus de Milão, na Itália, em 1972.

As figuras do bumba-meu-boi de Nhozinho tinham alma, que ele expressava nos traços fisionômicos, nos gestos, nas atitudes mais espontâneas e naturais. Nhozinho faleceu em São Luís, em 23 de, maio de 1974, no bairro de Alemanha.

Visitação: Casa de Nhozinho, Rua Portugal, 185, Praia Grande. Aberto de terça a sábado, das 9h ás 18h e aos domingos das 9h às 13h. Fechado às segundas. Entrada franca. 

Imagens: Reprodução da internet. / Texto: com informações da Casa de Nhozinho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s